Faz deste make teu fã

Esta funcionalidade exige que estejas registado no autoviva

Podes fazer o login da tua conta ou criar uma nova conta.
close
Abarth

Abarth

Itália Itália (1949 - presente)
close
Esta funcionalidade exige que estejas registado no autoviva

Podes fazer o login da tua conta ou criar uma nova conta.
close
Esta funcionalidade exige que estejas registado no autoviva

Podes fazer o login da tua conta ou criar uma nova conta.
conteúdos:

História


adicionar secção
Esta funcionalidade exige que estejas registado no autoviva

Podes fazer o login da tua conta ou criar uma nova conta.
História

Carlo Abarth

Carlo Abarth

Fundada em 31 de Março de 1949, a Abarth é uma contrutora de automóveis italiana idealizada pelo italiano de descendência austríaca Carlos Abarth. Reconhecida mundialmente pelo seu logótipo, o escorpião é hoje um ícone da marca.

No final de 1949 a fábrica instalada em Turim tinha já 32 empregados e ocupava uma área de 1815m2. A marca especializou-se na modificação de automóveis de outras marcas, adaptando-os para competições.

Nos anos 60, a Abarth começou a ganhar sucesso na categoria de Hillclimbing e Sports Car Racing, maioritariamente em veículos com motores de 850cc até 2000cc de cilindrada, rivalizando com o Porsche 904904Porsche 904Alemanha, 1964 > 19642 versões
18 fotografias
e o Ferrari Dino. Hans Herrmann foi o piloto de serviço da marca desde 1962 até 1965 que venceu os 500km de Nürburgring em 1963 juntamente com Teddy Pilette.

Em 1971 a Abarth foi comprada pela FiatFiatFiatItália, 1899 > presente158 modelos
4865 fotografias
35 vídeos
, e a sua equipa comprada por Enzo Osella. A Abarth passava a ser gerida pelo famoso engenheiro designer Aurelio Lampredi, acabando por se tornar num departamento particular de competição desportiva da Fiat.

Em 2007 a marca foi relançada pela Fiat com o lançamento do Grande Punto AbarthGrande PuntoAbarth Grande PuntoItália, 2007 > presente9 versões
20 fotografias
e do Grande Punto Abarth S2000Grande Punto S2000Abarth Grande Punto S2000Itália, 2007 > presente3 fotografias
, voltando a ser vista como uma marca com uma identidade própria.



Voltar ao topotop
fechar